quinta-feira, 15 de abril de 2010

Ferramentas para estudar japonês - Anki

Olá, pessoal!

Fiquei alguns dias sem postar por causa da correria na faculdade ultimamente.
Segunda-feira começo a dar um curso de extensão na Faculdade de Letras da UFRJ. O tema será o Japão, festivais que acontecem durante o ano na terra do sol nascente, um pouco da história do país, costumes e religiões. Serão 6 encontros, um por semana.
Por isso, talvez eu fique um pouco atarefado nas próximas semanas e os posts no blog fiquem um pouco afetados. Mas toda semana terão artigos novos!

Com relação ao título do post, já vinha pensando há algum tempo em postar aqui sobre ferramentas úteis para o estudo de japonês. Um dos leitores do blog me sugeriu que falasse sobre o software Anki e "realmente!!", pensei. Como não tinha lembrado dele ainda?

O Anki é um software no estilo "flashcard". Você cria um cartão de dois lados (imagine um cartão de papel e seus lados: trás e frente) e em cada um deles escreve uma informação.
A proposta deste tipo de software, bem como deste tipo de exercício, é a de facilitar a memorização. O próprio nome Anki, palavra japonesa, significa "memorização" em português.

Exemplos de cartões que podem ser criados são:
Kanji - uma pessoa que estiver estudando os ideogramas pode colocar o símbolo de um lado e, do outro, a leitura do mesmo;
Vocabulário - o estudante pode escrever de um lado uma palavra em japonês e, do outro, seu significado em português ou o uso em uma frase de exemplo;
Estruturas gramaticais - é possível escrever frases inteiras, sublinhar, colocar em itálico qualquer parte; desta forma, pode-se fazer observações do outro lado do cartão sobre um ponto específico destacado.

Estas são só algumas formas de uso do Anki. Vai da imaginação de cada um! Não só para japonês, o software pode ser utilizado para a memorização de qualquer coisa. Há relatos de pessoas que o utilizaram para estudar matemática. Qualquer coisa é possível!

Ao fazer seus cartões, o software informa que o deque não está salvo. Um deque é um conjunto de cartões, sejam quais forem as informações em cada cartão. Existem sites espalhados pela web que possuem deques já prontos.
No próprio Anki há uma opção para baixar deques já feitos e prontos para usar. Basta clicar em Arquivo > Baixar > Deck compartilhado... Veja na imagem abaixo a lista de deques disponíveis em 15/04/2010:


Para fazer download do Anki, basta clicar aqui ou acessar http://ichi2.net/anki/. Ao entrar na página, basta escolher o sistema operacional do seu PC, instalar e pronto.
Existem também versões para alguns sistemas operacionais de celular. Muito prático! Você poderá estudar em qualquer lugar. Algo extremamente útil: imagine-se naquela fila do banco ou aqueles dias em que você fica esperando o dentista ter um tempinho para atendê-lo. Abra o celular, use o Anki e não fique entediado à toa. E seus estudos ainda ganham com isso!

Espero que o Anki seja útil para todos aqueles estudando japonês que lerem o blog! Mas se estiver estudando outra coisa, teste o Anki também. Você pode descobrir uma ferramenta que vai fazê-lo pensar: como nunca usei isso antes?

Em um post próximo falarei aqui sobre um dicionário de japonês-inglês-japonês usado através do videogame portátil da Nintendo, o Nintendo DS. Até lá!

Um comentário:

  1. Opa cara blz? Me ajuda em um negócio, eu baixei o anki só q qnd eu vou pra digitar em japonês aparece quadrados ao invés das letras , só q qnd eu escrevo no navego word etc ele aparece aletra certinha

    ResponderExcluir